viagensdatalita_naturezaextrema_natureza_naturezaselvagem_destinosdenaturezaextrema_okavango1

5 lugares de natureza extrema pelo mundo que você vai querer conhecer

Não adianta, pessoal. Sou completamente apaixonada pela natureza e pelos destinos de natureza. Não sei dizer qual é meu tipo de viagem favorita, mas olha, os roteiros que envolvem ver de perto e estar envolvido por natureza, tem me atraído bastante. Então, como ando pesquisando bastante sobre esse assunto, estou postando muita coisa para vocês aqui sobre isso. Hoje, quero contar sobre 5 lugares em que podemos ver a natureza extrema, em seu potencial máximo. Já pegue seu caderninho para anotar e compartilhe com seu/sua parceiro/a de viagem.

– Delta do Rio Okavango, em Botsuana

Esse lugar é daqueles que a gente olha e pensa “Caramba”. Primeiro que esse delta é especial. Ele é o maior delta interior do mundo. Ele existe para dentro da terra. Ele não vai para mar ou oceano. Ele é importante para toda a fauna e flora da região, então já podemos imaginar que tudo ali é especial. Os animais possuem todo um ritmo, que parece um balé sincronizado. Elefantes, hipopótamos, leões, aves coloridas e muitos outros animais, constroem um ambiente único no mundo. Não é à toa que muitas pessoas se interessam pelo ecossistema do Delta do Okavango e é alvo de estudos no mundo todo. Portanto, se surgir a oportunidade de visitar esse lugar, não perca tempo.

– Galápagos, no Equador

Essas ilhas pertencem ao Equador e estão a mais ou menos mil quilômetros de distância da costa. A biodiversidade do local é peculiar e muito elevada, sendo que existem espécies de animais que existem somente lá, como a gigantesca tartaruga de Galápagos. A história mais conhecida de Galápagos é que seu visitante mais famoso foi Charles Darwin, que permaneceu por um tempo nas ilhas. Ele começou a criar a sua teoria de “Origem das Espécies”, com as ideias e observações que ele obteve nessas ilhas, durante o período que ficou lá, observando e estudando o comportamento e características das espécies. Estamos falando de Oceano Pacífico, que por si só, já é um grande gigante quando falamos em natureza extrema. Lá existem baleias, aves, tubarões e muitas outras espécies de animais.

– Montanhas Tianzi, na China

Acredito que esse lugar é único no mundo. Tenho certeza de que em algum momento, você viu fotos desse lugar e pensou se ele realmente existe. Existe e fica na China. As Montanhas Tianzi serviram de inspiração para a criação do filme “Avatar”. São paredões imensos de pedras com plantas subindo por ele. É algo surreal e o nome mais lindo que podemos encontrar para esse lugar, é que as montanhas são “Filhas do céu”. Maravilhoso. E quando as nuvens entram e não conseguem subir o suficiente para cobrir as montanhas, parece que elas estão sozinhas no mundo. É lindo demais.

Estamos falando de um lugar que existe há mais de 300 milhões de anos e foi esculpida pela força da natureza, entre água e ventos. Estão localizadas na Província de Hunan e lá funciona um Parque Natural e Nacional. Para quem tem medo de altura ou passa mal, não é aconselhável. Mas eles possuem estrutura bacana para receber os turistas.

– Rio Luangua, na Zâmbia

Esse rio é muito importante para os animais que vivem na Zâmbia e dependem diretamente da vida do rio, nos períodos de cheia e principalmente nos períodos de seca. Durante as cheias, ele leva cor para as savanas, as árvores ficam com vida e os animais aproveitam a abundância de alimento, mas a caça fica mais difícil por conta dos animais ficarem mais espalhados. Durante a seca, grande parte dele deixa de existir e os poucos lugares que ainda resta água, são disputados ferozmente pelos animais. As caças ficam mais centralizadas ao redor dessas áreas, pois todos os animais vão até lá para beber água. Os leões buscam os animais mais fracos e por estarem mais localizados, a presença deles geralmente causa desconforto e estresse para outros animais, como elefantes e búfalos, que detestam os leões.

Durante esse período de seca, vamos encontrar a maior concentração de hipopótamos no mundo, no Rio Luangua. São mais de 6 mil hipopótamos brigando pelos seus territórios. As batalhas são espetaculares e bem violentas. Em tempo, o hipopótamo só tem cara de bonzinho. Ele é o animal que mais mata humanos na África, por ser um dos animais mais territorialistas que existe. Os machos alfas brigam até o fim para defender seu território. Por mais incrível que pareça, nessa época existe uma trégua entre os hipopótamos e os crocodilos. Outro detalhe, é que nessas águas, existem os crocodilos do Nilo, que podem chegar a mais de três metros de comprimento.

– Deserto de Gobi, na Mongólia

Esse deserto está localizado na Ásia Central, na região que muita gente conhece como Rota da Seda. Esse deserto tem uma parte na Mongólia e outra parte na China. É cercado por cadeias montanhosas e tem mais de 1 milhão de quilômetros quadrados. O lugar tem reservas grandes de sal e petróleo, que são os principais elementos da economia da região. Para a questão de paleontologia, é um lugar importante, pois encontraram lá fósseis intactos de dinossauros e também ovos, igualmente intactos.

Por ser tão gigante, o Deserto de Gobi possui diversos tipos de terrenos. Sabe aquela famosa areia movediça? Então, existe de verdade lá. As paisagens vão de cadeias rochosas aos incríveis oásis, que são irrigados por água que vem do subsolo. Perto desses oásis, encontramos famílias nômades e eles sobrevivem criando animais e com a agricultura. Demais, né?! Eles montam tendas, possuem camelos, etc. Maravilhoso! Bem coisa de filme. Segundo a Lonely Planet, essa região é uma das que valem mais a pena serem visitadas em 2020. Portanto, já coloque na sua lista também.

Gostou da lista? São tantos lugares que poderia colocar nessa lista, mas aguardem que em breve vou fazer mais listas. Deixem seus comentários aqui embaixo, que vou adorar. Poder contar também os temas que querem ver aqui. Prometo fazer textos com muito carinho.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *