A história de Christian Louboutin e seus icônicos sapatos de sola vermelha

É batata! Todo mundo, em todo o mundo, reconhece quando se depara com um sapato maravilhoso que mais parece uma joia, que tem a sola vermelha. Objeto de desejo de milhões de pessoas (isso inclui mulheres e homens também), os sapatos da grife francesa Christian Louboutin, parecem ter o poder de fazer nosso coração bater mais forte. Até os papas se renderam ao charme dos sapatos da grife francesa (com exceção de Francisco, que preferiu usar seus sapatos velhinhos mesmo). Neste artigo, vou contar um pouco sobre a história de uma marca que tomou conta do mundo, sendo considerada uma das mais icônicas da história da moda.

O designer Christian Louboutin nasceu em Paris, no dia 07 de janeiro de 1964. Em 1991 ele decidiu lançar sua marca de sapatos e baaang. Sucesso! Para vocês verem como uma pessoa que nasce com o dom para certa coisa, ela vai carregar isso por toda sua vida. As primeiras coleções de sapatos de Christian Louboutin, foram inspiradas em alguns rascunhos que ele havia feito durante sua infância. Desde pequeno, ele já era fascinado por sapatos. Tem como pensar em ser outra coisa? Acho que não, né?! Aos 15 anos ele fazia sapatos para bailarinas. Na década de 80, ele trabalhou com grandes nomes como Dios, Chanel e Yves Saint Laurent. Mas desistiu dos sapatos por um tempo e foi trabalhar na revista Vogue. Mas, como sempre acontece na vida, acabamos voltando para onde nosso coração bate mais forte, mesmo que demore um tempo. Então, em 1992 ele abriu sua primeira loja de sapatos em Paris, junto com alguns amigos. E voltou a criar o que mais ama. Sapatos!

Em 2013, Christian Louboutin apresentou um pedido de proteção à marca aos Estados Unidos, para que a sola vermelha fosse uma exclusividade dele. Ele conquistou a patente do solado vermelho, mas não sua exclusividade. Mas a verdade, é que todo mundo sabe que está diante de um sapato de Christian Louboutin, quando olhamos para um. Não somente pelo solado vermelho, mas também por ter um design incrível e que nos faz suspirar. Mas ele realmente não pode querer monopolizar uma cor. O sucesso veio relativamente rápido, quando os sapatos caíram nas graças das parisienses. Uma jornalista estava na cidade buscando tendências e ao conversar com duas mulheres influentes (uma delas era simplesmente a Caroline de Mônaco), ficou sabendo sobre a loja de Louboutin. Não precisou buscar muito mais para já identificar a marca como um próspero sucesso. O que veio depois, é que o que todo mundo já sabe. Os sapatos viraram febre entre as mulheres e os apaixonados por moda.

Tive a oportunidade de fotografar duas peças (até agora) dessa marca francesa. Um bolsa que nem sei como descrever, de tão linda que ela é. E um sapato, igualmente único e fantástico. Podem ver nas fotos abaixo, que não estou sendo exagerada quando digo que me faltam palavras para descrever. São peças tão única e incríveis, que faltam adjetivos.

Todos os modelos da marca possuem um nome, sejam sapatos ou sejam bolsas. Acho demais essa história de dar nome às peças que se criam. Acho que de alguma forma, isso ajuda a dar vida e identidade às peças. As diferenças entre os modelos, podem ser mínimas, mas nunca terão o mesmo nome. Christian Louboutin também pode ser reconhecido por outras características de seus sapatos, não somente pela sola vermelha e design mirabolante. Ele também costuma ousar na altura dos saltos. Geralmente, saltos agulha. Podem chegar a ter 25cm de altura. Isso mesmo. Caso não saiba o que são 25cm, pegue uma régua de 30cm da escola (hahahahaha) e tire 5cm. Mas esses são feitos somente por encomenda, já que o máximo que pode ser fabricado para ser vendido, são sapatos com 16cm de altura no salto. Os ortopedistas e fisioterapeutas amam (hahahaha).

A ideia de pintar a sola de vermelha surgiu de uma funcionária de Christian Louboutin, que gostava de pintar as unhas de vermelho, dos pés e das mãos. Um dia ela pintou a sola do sapato de vermelho, por amar aquela cor. Christian gostou da ideia e aplicou em seus sapatos. Em 2011 ele começou a fabricar sapatos para homens. Claro que virou febre também. Assiste ao seriado Lúcifer que agora está na Netflix? Então, ele usa super os sapatos de Christian Louboutin e fica um charme (na verdade, esse Tom Ellis fica um charme com qualquer coisa, convenhamos).

Duas curiosidades interessantes sobre a marca, é que ele possui uma coleção especial para as noivas. Mas ao invés de ter a sola vermelha, a sola na parte de dentro é azul bebê. A externa continua vermelha. A ousadia e design maravilhoso continua igual. Outra curiosidade, é para quem assistia a série Sex and the City. A personagem principal, Carrie Bradshaw, interpretada por Sarah Jessica Parker (que todo mundo ama), era apaixonada e fiel aos sapatos da marca Manolo Blahnik. Sabe no filme, aquele sapato azul que o Big usa como forma de aliança para selar o pedido de casamento? Então, essa marca. Porém, na vida real, Sarah Jessica Parker usou um sapato de Christian Louboutin em seu casamento. Era um lindo modelo com a sola de dentro azul bebê.

Bom, a verdade é que fica beeeeem impossível não desejar e se apaixonar pelos modelos de sapatos e bolsas criados por esse estilista. As celebridades do mundo todo amam, nós, meras mortais também somos apaixonadas. Acho incrível o poder que uma peça de roupa ou um sapato pode dar à uma mulher. Parece que quando estamos com um Christian Louboutin nos pés, somos poderosas. Vocês também sentem isso com alguma coisa que costumam usar? (hahahaha)

Espero que tenham gostado do texto e se tiverem alguma experiência ou desejo com relação à marca francesa Christian Louboutin e suas peças icônicas, me deixa escrito aqui abaixo nos comentários. Vou adorar ler o que vocês pensam sobre o assunto. E eu desejo que todas vocês que sonham em ter um sapato de sola vermelha, que seu sonho seja realizado! <3 yaaay!

Deixe seus comentários aqui embaixo!

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *